MENU

domingo, 25 de março de 2012

EM 10 ANOS ..MORTES PELO CIGARRO TRIPLICARAM...



O cigarro matou 50 milhões de pessoas nos últimos 10 anos. Grandes empresas fabricantes estão atrapalhando os esforços que poderiam salvar milhões de vidas.
No relatório, a WLF (sigla em inglês para Fundação Mundial do Pulmão) e a Sociedade Americana de Câncer declararam que, neste século, 1 bilhão de pessoas irão morrer pelo vício do cigarro ou pela exposição à fumaça do cigarro, ou seja, uma pessoa a cada 6 segundos. O tabaco é responsável por mais de 15% de todas as mortes de homens e por 7% das mortes de mulheres.
 Na China, o cigarro é a principal causa de morte – causador de 1,2 milhões de óbitos anuais e o número deve subir para 3,5 milhões até 2030, acusou o relatório. Esses dados fazem parte de uma mudança mais ampla, dentro da qual os índices de tabagismo no mundo desenvolvido estão decaindo, mas os números aumentam nas regiões mais pobres. O índice de mortes causadas pelo cigarro está cada vez mais alto no mundo em desenvolvimento, principalmente na Ásia, no Oriente Médio e na África.
 Cerca de 80% das pessoas que morrem de doenças ligadas ao fumo são originárias de países de baixa renda ou média.  O diretor-executivo da WLF, Peter Baldini, acusou a indústria de tabaco de explorar a ignorância das pessoas a respeito do efeito real do tabagismo e de desinformar para sabotar as políticas de saúde que poderiam salvar milhões de vidas.
  SUBSTÂNCIAS QUE FAZEM PARTE DO CIGARRO
Veja algumas substâncias que compõem o cigarro e saiba onde elas também podem ser encontradas. São mais de 4.000 produtos químicos, sendo mais de 50 DELES COMPROVADAMENTE CANCERÍGENOS:
 Benzeno: encontrado em pesticidas, detergentes e gasolina.
 Polônio 210: armas nucleares e velas de ignição de veículos.
 Cianeto de hidrogênio: câmaras de gás.
 Formaldeído: fluido para embalsamamento de cadáveres.
 Fósforo P4 e P6: produtos de limpeza, veneno para ratos e fertilizantes.
 Arsênico: veneno para matar formigas.
 Cádmio: baterias de automóveis.
 Chumbo: tintas, soldas e munições para armas de fogo.
 Monóxido de carbono: fumaça de escapamento de automóveis.
 Butano: fluidos para isqueiros e gás de cozinha.
 Acetileno: maçaricos para solda industrial.
 Cloreto de vinila: plásticos em geral.
 Metanol: combustível de foguetes.
 Nicotina: veneno para matar baratas.

(Fonte: ONU – Organização Mundial de Saúde)
UMA BOA PERGUNTA: se o cigarro é uma droga tão mortal, por que, então, os governos não proíbem a sua fabricação?
UMA BOA RESPOSTA: porque as fábricas de cigarros pagam bilhões de dólares de impostos aos governos em todo o mundo. Em outras palavras, os fabricantes de cigarros são traficantes de drogas e os governos das nações são subornados por eles para permitir a fabricação, mesmo sabendo do seu efeito devastador sobre a população dos seus países.. É inacreditável e chocante, mas é a mais pura verdade.
Fonte: você sabia?

2 comentários:

  1. Oi Henrique é bem triste e real essa matéria sobre o cigarro,obrigada por postá-la!
    Meu pai lá no céu,agradece!

    Janaíne Assis

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. COM CERTEZA....HÁ PESSOAS QUE NÃO VALORIZAM A SAÚDE......

      Excluir